Seu Domingos

Agricultor: Eduardo dos Santos Faria

Produção orgânica e agroecológica de hortaliças, legumes, morangos e PANCs. Galinheiro caipira. Reserva de mata

Especialidade culinária

Pão ancestral feito no forno à lenha, Bolos caseiros, geleia de morango, pasta de azedinha, suco Detox e de frutas nativas. Opções vegetarianas e veganas.

Sugestão de atividades

Realização de trilha. Visita à horta. Degustação de morangos direto da produção. Oficina de plantio e colheita. Informações especializadas sobre cultura dos orgânicos e agroecológicos. Visita à capelinha da família. Observação de pássaros e animais nativos. Galinheiro caipira.

Senta que lá vem a história

O avô do Eduardo, Manuel Maria, começou a criar animais em Parelheiros ainda na década de 1960. Ficou muito conhecido na região. Em 1998 foi a vez dos pais de Eduardo, José Domingos e Clotilde, comprarem um sítio para trabalhar com agricultura, focando no consumo da família.

Eduardo passava os finais de semana na roça e morava na cidade.  Começou como motoboy, depois se formou técnico em telecomunicação. Trabalhou por 4 anos na Embratel e por 6 anos na marcenaria do pai junto com o irmão. Nessa fase de vida, a agricultura era um hobby.

Eduardo viu a possibilidade de transformar o amor pela terra em algo rentável. Mergulhou para valer na produção orgânica e agroecológica no sítio Seu Domingos.

Algum tempo depois, Eduardo viu a possibilidade de transformar o amor pela terra em algo rentável. Mergulhou para valer na produção orgânica no sítio Seu Domingos. Foi se envolvendo cada dia mais com os agricultores da região, tornou-se cooperado da Cooperapas (Cooperativa Agroecológica dos Produtores Rurais e de Água Limpa da Região Sul de São Paulo) onde foi presidente de 2020 a 2021, e hoje fornece para diversos mercados entre restaurantes, lojas de orgânicos e startup’s de distribuição.

Ele também vende cestas orgânicas e agroecológicas sob encomenda. É certificado pela Associação Biodinâmica. Em 2018, conheceu sua esposa Kely, que sempre amou estar com a natureza e desde 2020 atua como terapeuta e educadora no sitio. Atualmente, Eduardo mora no sítio com Kely e seu filho Jonas. É um entusiasta do turismo rural e do Agroturismo. Acredita na popularização da agricultura orgânica.

20211007_131049
20211022_095712
IMG-20220413-WA0005
IMG-20220123-WA0029
IMG-20220123-WA0014
IMG-20210827-WA0025
IMG-20210827-WA0020
20220501_101227
20211007_131049

Onde

Rua do Jusa, 3.400, Parque Florestal, Parelheiros, São Paulo – SP. CEP 04489-000.

Dados físicos

Distância do Marco Zero na Praça da Sé: 40 km.
Tamanho da propriedade: 45.0000 metros quadrados.

Como chegar de carro

Do terminal de ônibus Varginha seguir pela Av. Sadamu Inoue (Estrada Ecoturística de Parelheiros), passar a Prefeitura Regional de Parelheiros e entrar à direita na Estrada do Jusa, em frente ao Cemitério dos Girassóis. Nesse ponto começa a estrada de terra. Seguir até bifurcação, virar sempre à direita. Passar pela escola, campo e um casarão antigo. Continuar à direita, há uma subida e uma descida. Depois da descida entrar à direita, onde há um velho casarão amarelo de esquina. Seguir em frente na Rua do Jusa (sem saída). O sítio Seu Domingos é o último da rua. Número 3.400.

Como chegar de transporte público

Do metrô Grajaú pegar ônibus para o Terminal Varginha. No Terminal pegar a perua Parque Florestal. Descer no ponto final. Andar aproximadamente 1km na Rua Sinfonia Inacabada (estrada de terra), sentido do Sitio dos Muleiros e o do Mané Maria que cria ovelhas (tio do Eduardo). Passar a olaria do Orlando Rato, passar o bambuzal e entrar à direita na Rua do Jusa (sem saída). O sítio Seu Domingos é o último da rua. Número 3.400.

Como chegar de ônibus de excursão

Mesmo trajeto do carro (ver como chegar de carro).
Estacionar a 300 metros da entrada do sítio.
Vans e micro-ônibus conseguem parar na frente do Seu Domingos.